Controle de Qualidade das Plantas Medicinais Cynara scolymus L. E Matricaria chamomilla L., Comercializadas em Santo Antônio de Jesus – BA

Autores

  • Lavinia dos Santos Mascarenhas Faculdade Maria Milza. BA, Brasil.
  • Samylle dos Santos Souza Faculdade Maria Milza. BA, Brasil.
  • Vânia Jesus Santos de Oliveira Faculdade Maria Milza. BA, Brasil.
  • Noelma Miranda de Brito Centro Territorial de Educação Profissional. BA, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.17921/1415-6938.2021v25n3p346-351

Resumo

Desde a antiguidade o homem já buscava alternativas com uso de produtos naturais para tratamento de doenças, o que persiste até os dias atuais em diversas regiões. Para garantir a qualidade das ervas medicinais e a segurança do consumidor, é fundamental a realização de alguns testes, que são indispensáveis para verificar a presença de micro-organismos e até mesmo fraudes, evitando riscos à saúde do consumidor. O objetivo deste trabalho foi avaliar a qualidade das plantas medicinais camomila e alcachofra comercializadas no município de Santo Antônio de Jesus - BA - BR. As amostras analisadas foram adquiridas, em uma farmácia comercial e uma farmácia de produtos naturais, nas quais foram classificadas como amostras A e B. Foram realizados testes macroscópicos, de pureza, de teor de umidade, de análise de rótulos e de embalagens, todos seguindo a metodologia proposta na Farmacopeia Brasileira de 2010. O trabalhoponta uma importância significativa, visto que as espécies medicinais são disponibilizadas ao público sem o controle de qualidade adequado, causando riscos de intoxicação, que pode levar à complicações irreversíveis para a saúde. E como parte de incremento ao controle de qualidade, é imprescindível a verificação de informações apresentadas em rótulos e embalagens das plantas medicinais para verificar se estão conforme a planta escolhida e se as informações apresentam as normas estabelecidas pela vigilância sanitária, contendo os efeitos farmacológicos, restrições, gênero e espécie, assegurando qualidade e confiança ao consumidor.

 

Palavras-chaves: Fitoterápico. Medicina Tradicional. Camomila. Alcachofra

 

Abstract

Since ancient times, man has been searching for alternatives with the use of natural products for treatment of diseases, which persists until the present day in several regions. To ensure the quality of medicinal herbs and consumer’s safety, it is essential to carry out some tests which are indispensable for verifying the presence of micro-organisms and even fraud, avoiding risks to the consumer's health. The objective of this monograph was to evaluate the quality of the medicinal plants chamomile  and artichoke commercialized in the municipality of Santo Antônio de Jesus - BA - BR. The analyzed samples were obtained from a commercial pharmacy and a  natural products pharmacy where they were classified as samples A and B. Macroscopic tests were carried out, of purity, moisture content, label and packaging analysis and some microbiological tests, all of them following the methodology proposed in Pharmacopoeia 2010. The monograph shows a significant importance since the medicinal species are made available to the public without adequate quality control, causing risks of intoxication  which  can lead to irreversible health complications. And as part of an increase in quality control, it is essential to verify information presented on labels and packaging of medicinal plants to verify if it conforms to the plant chosen and if the information shows the standards established by sanitary surveillance containing the pharmacological effects, restrictions, gender and species assuring quality and the consumer’s confidence.

 

Keywords: Phytotherapy. Traditional medicine. Chamomile. Artichoke.

Downloads

Publicado

2021-09-29

Edição

Seção

Artigos