Atenção e Cuidado de Enfermagem às Crianças Portadoras do Transtorno do Espectro Autista e seus Familiares

Autores

  • Camilla Gabriely dos Santos Pimenta Universidade Anhanguera. MS, Brasil.
  • Ana Carolina de Souza Amorim Universidade Anhanguera. MS, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.17921/1415-6938.2021v25n3p381-%20389

Resumo

Esse estudo teve o objetivo geral de identificar a realidade de crianças com transtorno do espectro autista e seus familiares e o cuidado diferenciado da enfermagem a esse público. Tendo como objetivos específicos conhecer nos achados a definição do autismo e suas características, discutir sobre as dificuldades do cotidiano familiar e destacar sobre os principais cuidados de enfermagem para um atendimento humanizado e holístico. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica exploratória, de caráter qualitativa, realizada nas bases de dados Scientific Electronic Library Online (SciELO), Google Acadêmico, Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) e Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério da Saúde (BVSMS), incluindo artigos publicados de 2010 a 2020 com uma exceção, e foram utilizados os descritores: autismo infantil AND cotidiano familiar AND assistência de enfermagem.  O autismo é uma patologia com muitas discussões, artigos e diretrizes para melhoria da assistência, porém o indivíduo e sua família ainda passam por diversas dificuldades, seja no tratamento e/ou julgamento da sociedade, a enfermagem tem um papel importante nos cuidados dessa patologia, podendo realizar estratégias para a promoção de cuidado humanizado à criança autista e seus familiares. Conclui-se, que quando a criança recebe o diagnóstico do autismo, a estrutura e o cotidiano familiar sofrem mudanças e com o apoio e orientação da enfermagem, o desenvolvimento da criança são aumentados. Notou-se também que a enfermagem, no momento da assistência, necessita conhecer sobre o autismo e estar preparada para fazer de forma humanizada o acolhimento, orientação e prestar os devidos cuidados.

 

Palavras-chave: Autismo Infantil. Cotidiano Familiar. Enfermagem. Assistência de Enfermagem.

 

Abstract

This study had the general objective of identifying the reality of children with autism spectrum disorder and their families and the nursing differentiated care  to this public. Having as specific objectives to know in the findings the definition of autism and its characteristics, to discuss the difficulties of family daily life and to highlight about the main nursing care for a humanized and holistic care. This is an exploratory bibliographic research of qualitative character carried out in the databases Scientific Electronic Library Online (SciELO), Google Scholar, Virtual Health Library (VHL) and Virtual Health Library of the Ministry of Health (BVSMS), including articles published from 2010 to 2020 with one exception, and the following descriptors were used: infantile autism AND family daily life AND nursing care.  Autism is a pathology with many discussions, articles and guidelines for care improvement, but individuals and their families still experience several difficulties, either in the treatment and/or judgment of society, nursing plays an important role in the care of this pathology, and can perform strategies for the promotion of humanized care for autistic children and their families. It is concluded that when the child receives the diagnosis of autism, the structure and daily family undergo changes and with the nursing support and guidance, the child's development is increased. It was also noticed that nursing at the time of care needs to know about autism and be prepared to make the reception, guidance and provide proper care in a humanized way.

 

Keywords: Childhood Autism. Family Daily Life. Nursing. Nursing Care.

Downloads

Publicado

2021-09-29

Edição

Seção

Artigos