Prática de Atividades/Exercícios Aquáticos e seus Efeitos na Gestante e no Neonato: uma Revisão Sistemática

Autores

  • Eduardo Brandão Azevedo Faculdade Pitágoras de Belo Horizonte. MG, Brasil.
  • Luana Felício Soares Centro Universitário de Belo Horizonte. MG, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.17921/1415-6938.2022v26n1p117-129

Resumo

Faz-se necessário o conhecimento sobre os principais fatores envolvidos em uma gestação saudável, bem como aumentar as chances de se ter um parto sem intercorrências. Entre os hábitos de vida saudáveis recomendados, os principais são: uso de alimentação natural e a prática de atividades e/ou exercícios físicos. Este estudo é uma revisão sistemática que tem como objetivo identificar quais atividades aquáticas foram mais frequentemente realizadas em gestantes, bem como suas recomendações de execução. Além disso, o levantamento bibliográfico dos efeitos fisiológicos sobre as atividades aquáticas nas gestantes e nos seus neonatos, bem como os seus possíveis efeitos colaterais. Foram selecionados dos portais científicos, 15 estudos que contemplavam a temática pesquisada e que estavam dentro dos critérios preestabelecidos para sua inclusão. As modalidades aquáticas presentes nos estudos selecionados foram: hidroginástica, imersão, método SWEP (Study Water Exercise Pregnant) e natação. Conclui-se que o método SWEP tem sido frequentemente usado e pode ser adotado como programa de treinamento em gestantes. Além disso, percebeu-se que a prática regular de atividades ou exercícios físicos aquáticos pode desencadear, entre outros, o controle no ganho de peso tanto na gestante quanto no neonato, bem como o aumento na resistência do períneo e diminuição de sintomas depressivos na gestante/puérpera.

 

Palavras-chaves: Gravidez. Gestação. Exercícios Aquáticos. Atividades Aquáticas.

 

Abstract

Knowledge about the main factors involved in a healthy pregnancy is necessary, as well as increasing the chances of having an uneventful birth. Among the recommended healthy lifestyle habits, the main ones are use of natural food and the practice of activities and/or physical exercise. This study is a systematic review that aims to identify which water activities were most frequently performed in pregnant women, as well as their recommendations for implementation. In addition, the bibliographic survey of the physiological effects on water activities in pregnant women and their newborns, as well as their possible side effects. 15 studies were selected from the scientific portals that contemplated the researched theme and that were within the pre-established criteria for its inclusion. The aquatic modalities present in the selected studies were hydrogymnastics, immersion, SWEP method (Study Water Exercise Pregnant) and swimming. It is concluded that the SWEP method has been frequently used and can be adopted as a training program for pregnant women. In addition, it was noticed that the regular practice of aquatic physical activities or exercises could trigger, among others, the  weight gain control in both the pregnant and the newborn, as well as an increase in perineal resistance and a decrease in depressive symptoms in the pregnant woman. /puerperal. 

Keywords: Pregnancy. Gestation. Water Exercises. Water Activities.

Downloads

Publicado

2022-03-30

Edição

Seção

Artigos