Estudo Prospectivo de Patentes sobre Galacto-oligossacarídeos com Potencial Biotecnológico

Autores

  • Gisele Karine Murador Villela Unopar, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciência e Tecnologia de Leite e Derivados. PR, Brasil.
  • Camila Fernanda Alba Unopar, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciência e Tecnologia de Leite e Derivados. PR, Brasil.
  • Hélio Hiroshi Suguimoto Universidade Anhanguera de São Paulo, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Biotecnologia e Inovação em Saúde. SP, Brasil.
  • Luiz Rodrigo Ito Morioka Universidade Anhanguera de São Paulo, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Biotecnologia e Inovação em Saúde. SP, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.17921/1415-6938.2022v26n2p197-204

Resumo

Este trabalho teve como objetivo elaborar um estudo prospectivo de patentes a respeito dos galacto-oligoassacarídeos (GOS) com potencial biotecnológico. Foram analisados e avaliados os documentos depositados na base de dados do WIPO (World Intellectual Property Organization) referentes ao período de 2014 a 2020, utilizando a palavra-chave “galacto-oligosaccharides” totalizando 107 depósitos para a área de interesse do trabalho. No ano de 2017 foi apresentado o maior número de patentes depositadas, em que o Continente asiático apresentou o maior número de depósito, com destaque para a China. Quanto ao perfil dos requerentes, 69% são depósitos feitos por empresas do setor privado, 22% por pessoa física e 9% por universidades. Das patentes depositadas, pelo setor privado, destaca-se a multinacional N.V. Nutrícia localizada na Holanda com 5 depósitos vinculados à necessidade humana. O maior percentual de pedidos com 75% foi destinado para a elaboração de produtos. A concentração foi no setor relacionado à saúde com 70% dos depósitos tendo como destino composições nutricionais, produtos lácteos, fórmulas nutricionais e fórmulas infantis. A área de biotecnologia obteve 19% dos depósitos de patentes, sendo o maior percentual destinado para produção de galacto-oligoassacarídeos. Já a área de alimentos obteve 11%, tendo maior volume destinado aos produtos lácteos. A tendência da utilização e produção de GOS vem sendo de grande interesse em diferentes áreas de interesse e uma das formas de divulgação científica é através de patentes destinadas para estes fins.

 

Palavras-chave: Prebióticos. Galacto-oligossacarídeos. Patentes. Prospecção Tecnológica.

 

Abstract

This work aimed to develop a prospective study of patents on galactooligosaccharides (GOS) with biotechnological potential. The documents deposited in the WIPO (World Intellectual Property Organization) database for the period from 2014 to 2020 were analyzed and evaluated, using the keyword “galactooligosaccharides”, totaling 107 deposits for the work area of interest. In 2017, the highest number of patents filed was presented, where the Asian continent had the highest number of filings, especially China. As for the profile of applicants, 69% of them are deposits made by private sector companies, 22% by individuals and 9% by universities. Out of the patents filed by the private sector, the multinational N.V. Nutrícia, located in the Netherlandsstands out, with 5 deposits linked to human needs. The highest percentage of orders, with 75%, were aimed at the elaboration of products. The concentration was in the health-related sector with 70% of the deposits destined for nutritional compositions, dairy products, nutritional formulas and infant formulas. The biotechnology area obtained 19% of patent filings, with the highest percentage aimed at the production of galactooligosaccharides. The food area, on the other hand, obtained 11%, with the largest volume being intended for dairy products. The trend in the use and production of GOS has been of great interest in different areas of interest and one of the forms of scientific dissemination is disclosed through patents for these purposes.

 

Keywords: Prebiotics. Galactooligosaccharides. Patents. Technological Prospecting.

Publicado

2022-06-23

Edição

Seção

Artigos